Ironman Malásia Langkawi » Correndo no paraíso

ironman malaysia feature

O Ironman Malásia em Langkawi é top! E todos os rumores sobre esta competição ser uma das mais difíceis do circuito Ironman são verdadeiros. O calor e a umidade pesam muito. Com certeza uma prova que vou lembrar para sempre!

Dois anos atrás eu nem imaginava que correria o Ironman Malásia. Por vários motivos: tinha feito uma cirurgia no quadril, estava planejando a nossa viagem ao redor do mundo, e estava cansado da rotina de treinos. Um dia antes de iniciar nossa viagem, recebi um email com uma notícia ótima, fui sorteado na loteria de vagas para a Maratona de Paris em 2015. Então tive que deixar a preguiça de lado, voltar a treinar e colocar a prova a cirurgia no quadril.

Em Março de 2015, um mês antes da Maratona de Paris, viajamos para Langkawi a convite do depto de Turismo. Exploramos as belezas naturais, provamos comidas deliciosas e conhecemos pessoas encantadoras, passamos 7 dias íncriveis na ilha. Num desses dias, Yussuf Azman, que trabalha no depto de Turismo, notou minha tatuagem do Ironman e comentou que Langkawi tem uma edição da competição. Meus olhos brilharam, e já fui pedindo mais detalhes. No outro dia quando cheguei no hotel tinha uma camiseta do Ironman Langkawi e um bilhete: “Vem correr o Ironman Malásia em Langkawi!”

Naquela época eu não tinha a mínima ideia de onde estaríamos em Novembro. Nosso roteiro estava definido até Julho, a ideia era curtir o verão Europeu. Dias depois já estavamos na Europa, Maratona de Paris, uma Eurotrip com amigos, TBEX na Espanha, Itália e França com meus pais… Quando chegou Junho estávamos com muita saudade da Ásia. Tomamos a decisão de retornar para o Sudeste da Ásia em julho mesmo, e que eu ia encarar o Ironman Malásia.

ironman malaysia sunset

Treinando para o Ironman Malásia

Eu conversei com o meu amigo e futuro treinador, Lucas Helal da Luquitri Assessoria Esportiva sobre o Ironman Malásia, minhas viagens e condições de treino. Ele aceitou o desafio, mandou as planilhas de treino e a diversão começou. Aqui vai um resumo dos meus treinos para o Ironman Malásia em Langkawi.

ironman malaysia training bulgaria

» Julho – Malak Izvor, Bulgária [uma pequena vila nas montanhas da Bulgária]

Não foi possível nadar. Para correr era excelente e o ciclismo foi feito com uma Mountain Bike. As montanhas da Bulgária são demais, ar puro, muito verde, estradas vazias e muitos animais silvestres. Foi um ótimo mês para construir uma base e reacostumar o corpo a uma rotina de treinos. Treinei bastante em morros o que me ajudou em Langkawi. A única desvantagem era a temperatura, nunca passou de 28ºC. Eu saía para treinar por volta das 14hs para aproveitar o calor.

ironman malaysia training in bangkok

» Agosto & Setembro – Bangkok, Tailândia

Treinar em Bangkok foi “ok”. Estávamos morando no norte da cidade, uns 20 km do centro. O clima era muito quente, o que foi bom para preparar o corpo para Langkawi. Achei vários lugares legais para correr mas a poluição era de matar. Pedalar em Bangkok é terrível, os motoristas não respeitam os ciclistas e as estradas são muito ruins. No nosso prédio tinha uma piscina, eu nadei umas 5 vezes no máximo, preguiça… Em setembro só treinei por 1 semana devido a um problema de saúde. Meu treinador ficou bem preocupado e tomamos bastante cuidado para achar o equilíbrio entre minha recuperação e os treinos.

Ironman malaysia training bangkok

» Outubro  – Bangkok, Koh Phangan & Phuket, Tailândia

Meus treinos em Outubro foram uma zona. Muito trabalho, fomos a  duas conferências e mais uma viagem a Phuket. A vantagem é que uma das conferências foi na ilha de Koh Phangan, aproveitei para nadar no mar. O mar em koh Phangan é limpo, sem ondas e a água quentinha. Também puxei nos treinos de corrida, bastante morro e praias.

ironman malaysia training langkawi

» Novembro – Langkawi, Malásia

Chegamos em Langkawi 10 dias antes da competição para nos acostumarmos com o clima e com a comida. Durante esses dias só nadei e corri. Fiz o reconhecimento de todo o percurso de natação e corrida. Decidi não levar a minha bike de Bangkok para Langkawi. Meus amigos da LADA me ajudaram e conseguiram uma bike lá. Trocar de bike dias antes da prova foi um risco, mas não me arrependo. Ah, antes do Ironman Malásia  participamos da gravação de um vídeo promocional para o depto de Turismo de Langkawi 🙂

Eventos Pre- Ironman Malaysia – Langkawi

» Toda a “ação” aconteceu em 3 locais:
Danna Hotel – Bike Check in , Largada & T1

MIEC- Check In dos Atletas, T2 & Jantar

Meritus Pelangi – Chegada & Festa de encerramento

Fiz o meu Athlete check in no primeiro dia e resolvi tudo em menos de 10 minutos. Os voluntários e o staff do Ironman eram muito gentis e agilizados. Havia um serviço de ônibus entre o Meritus Pelangi Hotel, MIEC, centro de Kuah e Danna Resort. Isso foi muito prático pois  as ilha é grande e estes locais são longe um do outro. O bike check in foi super rápido também, com muitos voluntários agilizando o processo.

ironman malaysia overall course

Ironman Malaysia / Langkawi » Dia da prova

No dia da prova saí do meu hotel, Berjaya Resort, por volta das 5:45hs, em menos de 10 minutos já estava na área da largada. Como tinha bastante tempo dei uma ultima revisada na bike, visualizei meu caminho na Transição 1 e fui pra praia dar uma relaxada. As 7hs fecharam a T1 e as 7:10hs os profissionais largaram, minutos depois os “age groupers” largaram. Nossa largada foi “rolling start”,  4 atletas de cada vez, isso ajuda a evitar atropelamentos na água.

ironman malaysia swim

» Percurso de natação – 3,8 km

A natação foi na praia de Pantai Kok, em frente ao Danna Hotel. Duas voltas numa baia bem abrigada, depois de contornar a primeira bóia senti uma correnteza de leve, essa mesma correnteza ajudou quando nadei em direção a praia. Todo o percurso estava bem sinalizado com bóias grandes e bandeiras. Eu não forçei na natação, mantive um ritmo confortável e constate. Até perdi uns minutos tentando achar a Nat e a equipe de filmagem, eles queriam fazer umas imagens minhas na prova. Como sou meio ceguinho e não uso lentes de contato estava difícil achar eles, um voluntário no caiaque se aproximou pensando que eu estava com problemas. Me apoiei no caiaque e consegui berrar para a Nat na praia, depois que achei a turma segui meu caminho tranquilo.

» Transição 1

A transição estava bem sinalizada e com vários voluntários prontos para ajudar. Entre a praia e a área de transição tinham uns 300 metros. Chuveiros no caminho e o chão de carpete vieram a calhar. Eu demorei mais do que planejado na T1, 11 min. Eu culpo o protetor solar, com medo de torrar no sol acho que usei metade do pote.

ironman malaysia bike

» Percurso de Bike – 180 km

O percuro de bike é espetacular, 2 voltas ao redor da ilha. Minha preocupação era o calor e os morros. No final das contas os morros foram de boa mas o calor me derrubou. Eu parei em todas as “aid stations” para pegar bolsas de gelo. Entre os kms 5-21 e 103-121 pedalamos numa sequência de pequenos morros, foi a parte divertida e com muitos macacos ao longo da estrada. Agora entre os kms 50-60 e 150-160 o bicho pegou, 3 morros bem inclinados, para subir as pernas tremiam, já a descida… Cheguei a 68 km/h 🙂  

Fiquei feliz por ter água e isotônico estupidamente gelados em todas as “aid stations”. Banana e gel de carboidrato também estavam a disposição. Passei por praias, vilas, morros, campos de arroz… A paisagem de Langkawi é lindíssima! Quando o cansaço estava me derrubando eu consegui mais força só de olhar para a paisagem. Minha hidratação foi aproximadamente 1 litro de isotônico/água a cada hora, e ingeri um gel a cada meia hora.

» Transição 2

Minha T2 foi bem melhor que a T1, fiz em apenas 4 min. Na verdade queria ter ficado mais tempo por lá, tinha ar condicionado! Naquele calor desgraçado o ar condicionado era um paraíso! Foi bem legal ver um monte de gente torcendo e bandas tocando música na T2. Antes de seguir para minha corrida fiz uma parada estratégica para dar um beijo na Natalie. 🙂

ironman malaysia run rob

» Percurso de corrida – 42 km

Foram 2,5 voltas num percurso 100% plano, o que ajudou muito depois de pedalar 180km naquele calor. Quando estava correndo vi um termômetro marcando 37ºC!  Meu plano era correr entre as “aid stations”, aproximadamente 2km entre cada uma. Quando chegava na “aida station” eu caminhava, tomava um gole de coca-cola, jogava água gelada no corpo e seguia para a próxima. A cada meia hora ingeri um gel. Encontrei a Nat na T2 e na frente do Smiling Buffalo Cafe. Perto do café eu caminhei ao lado dela por 1 km, e avisei que não estava bem do estômago. A partir do km 17 fiquei muito enjoâdo e não podia nem pensar em gel, segui até o final da prova só tomando coca e gelo.

Depois do pôr do sol a temperatura caiu um pouco. O problema é que ficou muito escuro! Entre a T2 e a praia de Cenang não havia luz nenhuma. Acredito que o aeroporto não autorizou a iluminação do percurso por causa dos aviões. Perto do km 40 eu juntei todas as forças e forcei minhas pernas a correr. Quando comecei a escutar a musica e ver as bandeiras perto da chegada as dores foram embora. Antes de cruzar a linha de chegada fiz um “moonwalk”, a mesma comemoração que fiz no Ironman Brasil em 2012. Meu tempo? 13 horas e 45 minutos. Fiquei muito feliz com o resultado.

ironman malaysia medal

ironman malaysia kiss

» Área de chegada

Assim que cruzei a chegada uma equipe médica perguntou se eu estava bem , se precisava de algo. Eu estava com a adrenalina a mil, só pedi uma toalha e água. Recebi minha medalha, achei a Natalie e ganhei meu beijo de “Finisher”. Na área de chegada os atletas tinham a disposição banheiras de gelo, massagem, chuveiros, equipe médica, um restaurante servindo massas, frutas, sorvetes… Eu tomei um banho, comi uma pizza e decidi ir para o hotel.

Pegamos um táxi e eu dormi o trajeto todo, quando chegamos no hotel saí correndo do carro em direção ao jardim e vomitei lá mesmo. Eu não estava me aguentando, quase desmaiado o pessoal do hotel me levou até o quarto. A Nat que me deu banho e me botou na cama. Eu apaguei, acordei as 2hs da manhã, tomei 1 litro de ágiua e voltei a dormir.

No outro dia acordei zerado, quer dizer, um pouco dolorido, mas estava bem. Fomos até a T2 para recolher minhas tralhas e a bike. Lá encontramos a Saleta Castro Nogueira e o  Thiago Vinhal, atletas que conheci em Langkawi, foi legal poder dar um tchau.

Nossa jornada em Langkawi terminou. Depois de meses treinando eu consegui terminar o Ironman Malásia em Langkawi. Corri apenas dois Ironmans, mas já assisti várias provas, e posso afirmar que Langkawi é espetacular. É uma ótima opção para quem quer uma vaga  Kona, Havaí. Mesmo com treinos bagunçados, várias viagens, sem uma bike decente para treinar e problemas de saúde, eu cheguei em 45 na minha categoria. Se você sonha em ir para Kona, treine MUITO, prepare-se para o calor e vai correr o Ironman Langkawi!

Se quer mais informações sobre o Ironman Langkawi confere este outro post onde dou dicas de onde ficar e como chegar em Langkawi. Agora se você quer ir para Langkawi e só curtir, este post é para os casais apaixonados e este para os aventureiros de plantão

ironman malaysia berjaya resort

» Hotéis em Langkawi que recomendamos:

Berjaya Langkawi Resort — Serviço 5 estrelas em chalês com total privacidade. Este hotel serve o melhor café da manhã que já comi. E fica pertinho da área de largada, menos de 10 minutos da praia de Pantai Kok.

Langkawi Chantique – Um hotel pequeno e charmoso na praia de Pantai Cenang.

The Danna Langkawi  – Luxo bem na frente da praia de Pantai Kok. Vistas lindas da area da largada.

Meritus Pelangi Resort – O hotel oficial da prova. A chegada acontece na frente deste hotel.

You may also like  MTX Connect. Acesso a internet na Europa!

Completar o Ironman Langkawi só foi possível com o suporte da LADA, Ironman Malaysia e Berjaya Resort.  Um muitíssimo obrigado a todos os envolvidos nesta competição!

E aí, você toparia participar do Ironman Malásia em Langkawi? Ou essa prova é dificíl demais? Deixe sua opnião! 

Post a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge