O que Fazer em Budapeste – Onde ficar e roteiro de viagem

A lista do que fazer em Budapeste é imensa, mas se você planejar bem dá para fazer bastante coisas em 3 dias.

Budapeste é uma jóia na Europa Central. A capital da Hungria tem arquitetura incrível, história, águas termais e bares super divertidos. A lista do que fazer em Budapeste é imensa, mas a boa notícia é que em 3 dias dá para visitar as principais atrações da cidade. Siga nosso roteiro para escolher onde ficar em Budapeste, pontos turisticos e onde comer bem.

Nós viajamos para Budapeste duas vezes. A primeira viagem foi na primavera e a última viagem nós curtimos Budapeste no inverno. Uma viagem gelada, mas linda! No inverno os termômetros marcam temperaturas abaixo de zero, muita neve e o Rio Danúbio fica congelado.

Nosso roteiro de 3 dias em Budapeste serve para todas as estações do ano. Seja inverno ou verão, seguindo nossas dicas do que fazer em Budapeste você vai ver e experimentar os que há de melhor na cidade. A capital da Hungria é uma cidade enorme, mas as atrações de Budapeste se concentram na parte central da cidade, na região de Peste e o castelo na região de Buda. Isso é uma curiosidade sobre Budapeste, não sei se você sabe, mas a cidade é formada por duas regiões: Peste e Buda, que são divididas pelo Rio Danúbio.

Buda é o lado da cidade onde fica o castelo, museus e alguns prédios governamentais. Peste é a área mais movimentada da cidade, onde você encontra o Bairro Judeu, Mercado Central e as principais atrações de Budapeste. Já que estamos falando dos bairros da cidade, vamos aproveitar para listar os melhores lugares para ficar em Budapeste. Os melhores hotéis e albergues para incluir no seu roteiro por Budapeste.

Nesses 3 dias de viagem a Budapeste se prepare para caminhar muito. E escolha um hotel em Budapest perto das atrações.

 

Onde ficar em Budapeste

Existem vários hotéis e lugares para ficar em Budapeste, dá pra escolher pelo estilo e também pelo preço. A lista de hotéis em Budapeste é gigante, mas vamos ajudar você a escolher o melhor bairro e melhor lugar para ficar.

A maior oferta de hotéis é na região de Peste, próxima ao centro da cidade. Lá você encontra desde rede de hotéis internacionais, hotéis boutique super charmosos e albergues. O bom é que a maioria fica próxima das atrações e do que fazer em Budapeste.

Se você quer aproveitar sua viagem ao máximo sem perder muito tempo com transporte público a melhor região para ficar em Budapeste é o centro histórico ou Distrito 5. Se você quer uma pitada de luxo a dica é se hospedar em um dos hotéis que ficam na frente do Rio Danúbio, como o InterContinental, Sofitel e Marriott. O Four Seasons Gresham Palace Budapest é um dos hotéis mais luxuosos da cidade e fica em um prédio histórico lindíssimo, bem na frente da Ponte das Correntes.

Para quem quer se hospedar bem sem gastar muito as melhores áreas para ficar em Budapeste são os Distritos 5 e 7. Lá você encontra vários hotéis e hostels, confortáveis, limpos e bem decorados. O distrito 7 é famosos pelos restaurantes, bares da moda e não é tão turístico, lá é legal para alugar um studio ou apartamento. Esses são nossos hotéis preferidos em Budapeste:

Barato  – Budapest Panorama Central

Intermediário – Baltazar Budapest

Boutique – Soho Boutique Hotel

Faça sua reserva de hotel em Budapeste através dos sites Agoda e Booking.com. O Airbnb também é uma opção ótima para quem quer se hospedar em Budapeste sem gastar muito. Nós alugamos através do Airbnb um estúdio no Distrito 7 e outro perto da Avenida Andrássy. Cadastre-se no Airbnb através desse link e ganhe até 30 dólares de crédito para usar na sua primeira reserva.

Nossa segunda viagem para Budapeste foi no inverno, mas nosso roteiro do que fazer em Budapeste serve para qualquer estação do ano.

As pontes de Budapeste são lindas e você deve visita-las durante o dia e a noite.

 

O que fazer em Budapeste – Roteiro de 3 dias

Agora que você já sabe onde ficam os melhores hotéis e as melhores áreas para ficar em Budapeste, vamos montar o roteiro de viagem. Esse roteiro de 3 dias inclui a principais atrações e o que fazer em Budapeste que é imperdível, por isso os dias e as noites serão agitados com vários lugares para visitar. São lugares históricos, arte, banhos termais, comida típica e lugares escondidos. Tudo que você deve ver e experimentar na sua primeira viagem a Budapeste.

 

1º Dia em Budapeste – Atrações e História

Acorde cedo e prepare-se para caminhar. O primeiro dia em Budapeste deve ser dedicado ao castelo e bairro de Buda. Se você estiver hospedado no lado de Peste pode pegar um tram até o pé do castelo, assim ganha tempo.

O castelo de Buda é uma as principais atrações de Budapeste e a vista lá de cima é linda.

O palácio de 200 quartos é gigante e uma das atrações mais visitadas de Budapeste. No topo do morro, o castelo tem um vista incrível da cidade e lá em cima fica a Galeria Nacional da Hungria, o Museu de História de Budapeste e a Biblioteca Nacional. Explore o castelo e caminhe até a Igreja de São Matias e o Bastião dos Pescadores. Nas ruas você vai ver vários prédios históricos e a vista do Bastião dos Pescadores é de impressionante.

Dá para subir até o castelo caminhando ou de funicular. Se decidir subir a pé recomendo iniciar a subida bem em frente ao castelo, perto da entrada do funicular e descer pelas escadarias do Bastião dos Pescadores. Há cafés e restaurantes ao redor do castelo, caso você precise beber ou fazer um lanchinho.

O prédio do Parlamento é uma das atrações de Budapeste mais visitadas.

  • Parlamento Húngaro

De volta às margens do Rio Danúbio você pode pegar um bonde ou caminhar até o Parlamento Húngaro. Se decidir caminhar, pode escolher entre duas rotas. A primeira é pela Ponte das Correntes, depois de cruzar a ponte você segue até o parlamento  passando pelo memorial “Sapatos à margem do Danúbio”, feito em memória das pessoas mortas na segunda guerra mundial. Esse é o caminho mais rápido para ir do Castelo de Budapeste até o Parlamento Húngaro.

A segunda rota é um pouco mais longa só que você vai poder tirar aquela foto perfeita da frente do parlamento. Quando descer do castelo caminhe pelas margens do Rio Danúbio [no lado de Buda] no sentido a ilha Margarita. Um pouco antes de chegar na ponte você vai passar pela frente do Parlamento e bem às margens do rio  existe um píer onde você pode tirar a foto perfeita. Depois da sessão de fotos continue caminhando até a ponte, cruze para o lado de Peste e siga a direita até chegar no Parlamento Húngaro. Dentro do parlamento está as jóias e a coroa Húngara.

no seu roteiro de 3 dias em Budapeste reserve uma noite para visitar o Szimpla Kert Bar.

– Szimpla Kert

No final do dia você vai estar cansado de história e pronto para conhecer um outro lado mais divertido da cidade. Um roteiro do que fazer em Budapeste não está completo sem a visita à um bar ruína. No coração do Bairro Judeu, o Szimpla Kert foi o primeiro bar ruína a surgir na cidade e serviu de inspiração para outros pubs. É difícil descrever o Szimpla Kert, é uma mistura de arte, ferro velho, coisas estranhas e interessantes. Você precisa ver com os próprios olhos para entender.

O bar é todos decorado com móveis usados, peças de carro, artes plásticas, metal e qualquer coisa que pôde ser reutilizada e transformada em decoraçã. Vá para uma ou duas cervejas, passei pelos vários ambientes e escolha a decoração, a música ou galera que mais combina com você.

 

2º Dia em Budapeste – Centro e Piscinas Termais

O roteiro do que fazer em Budapeste em 3 dias é uma mistura de história, passeios, lugares lindos e banhos termais. O segundo dia é dedicado a explorar o centro de Budapeste, o calçadão, o mercado público e uma das termas mais famosas da cidade.

Como seu segundo dia em Budapeste visitando a Basílica de Santo Estevão, e depois vá explorar o centro da cidade.

  • Basílica de Santo Estevão

É a maior e mais alta igreja de Budapeste. Tem um interior lindo e você pode subir até o topo da torre para ver a cidade de cima.

  • Caminhe pelo calçadão Vaci Utca

Depois de visitar a Basílica caminhe até o Mercado Central de Budapeste. É um passeio de 30 minutos pela famosa rua Vaci Utca, um calçadão com lojas nacionais e internacionais. Esse é o endereço perfeito de quem quer fazer compras ou garantir alguns presentinhos para levar para casa. No caminho você vai ver vários restaurantes e cafés, mas segure a fome, pois o almoço vai ser na próxima atração de Budapeste.

O Mercado central de Budapeste é enorme. Na sua lista do que fazer em Budapeste não pode faltar uma almoço no mercado.

Paraíso para quem gosta de comida, no mercado você encontra todos os ingredientes tradicionais da cozinha Húngara. Frutas, legumes, salsichas, queijos e a tradicional páprica. Depois de passear pelos corredores e ficar faminto, suba para o primeiro andar e prove um almoço típico. Minha sugestão é provar a sopa Goulash, super tradicional.

  • Avenida Andrássy e Praça dos Heróis

Depois do festival de comida Húngara pegue o bonde quase em frente ao Mercado Central e vá para a Praça dos Heróis. Na praça dá para visitar os museus de artes que ficam um em frente do outro ou simplesmente passear.

A Praça dos Heróis é um marco na cidade e um dos principais pontos turísticos de Budapeste.

Se você estiver afim de conhecer um pouco mais da história de Budapeste e da Hungria, da praça caminhe em direção a Avenida Andrássy, onde ficam a Casa do Terror [museu que fala da segunda guerra mundial], a Ópera de Budapeste e pontos do metrô Millennium, o segundo trem subterrâneo mais antigo da Europa. A Avenida Andrássy também é famosa pelos prédios em Art Nouveau, teatros e cafés.

Se depois do almoço a ideia é relaxar e ficar próximo a natureza, nossa sugestão do que fazer em Budapeste é outra. Da Praça dos Heróis caminhe em direção ao Parque da Cidade. No parque você pode visitar o Art- Nouveau Zoo e passear pelo Castelo Vajdahunyad. Embora seja chamado de castelo, o complexo não é um palácio antigo e original, o prédio foi construído em 1896 e representa vários estilos e momentos da arquitetura Húngara em um único prédio.

O Castelo Vajdahunyad é lindo e super fácil de visitar em Budapeste.

  • Termas Széchenyi 

Pertinho do Castelo Vajdahunyad ficam as Termas Széchenyi, uma das principais atrações de Budapeste. No seu roteiro por Budapeste você precisa visitar pelo menos uma casa termal, e a Széchenyi é sem dúvida a melhor opção. O complexo tem 21 piscinas, sauna, massagem, restaurante e todos os tipos de tratamento para você relaxar e esquecer da vida. O prédio é lindo e está aberto ao público [homem e mulher] todos os dias.

Mesmo durante o inverno em Budapeste você deve ir a Termas Széchenyi e nadar na piscina externa, é uma experiência única e super quentinha.

No seu roteiro do que fazer em Budapeste deixe algumas horas livres para relaxar nas Termas Széchenyi .

Existem outras termas em Budapeste que valem a pena visitar. A Gellért e a Rudas ficam no lado de Buda e são lindas e antigas. Mas como a proposta é a passar apenas 3 dias em Budapeste, recomendo visitar a Széchenyi primeiro e se sobrar tempo você vai nas outras.

 

3º Dia em Budapeste – Lugares Escondidos e o Bairro Judeu

Os dois primeiros dias do roteiro do que fazer em Budapeste foram dedicados a lugares históricos e famosos. Agora chegou a hora de descobrir um lado diferente de Budapeste, lugares escondidos nem sempre visitados pelos turistas.

O walking Tour em Budapeste foi ótimo, conhecemos lugares secretos, histórias antigas sobre arte e guerra.

  • Tour para Conhecer Segredos de Budapeste

Hora de descobrir histórias românticas de Budapeste. Visitar pequenos teatros, salas de música, prédio de arquitetura belíssima e andar pelas ruelas da cidade. Esse passeio é perfeito para último dia da viagem, pois você já aprendeu um pouco da história e visitou vários pontos de interesse em Budapeste. Agora é hora de seguir um guia local e escutar segredos da cidade.

Nós fizemos o passeio Hidden Budapest Walking Tour com a empresa Unique Tours Factory, um site que oferece passeios com experiências locais e diferenciadas por toda a Europa.

Nosso passeio Hidden Budapest Walking Tour começou de manhã cedinho ao lado da Ópera de Budapeste. De lá caminhamos em direção ao Bairro Judeu e em cada esquina uma nova história, uma curiosidade sobre música, arte ou guerra. Aprendemos sobre a história de Budapeste de uma maneira divertida e criativa. Super recomendo o tour.

E o tour em Budapeste terminou em uma cafeteria charmosa, pouco conhecida pelos turistas.

Nosso tour terminou em uma cafeteria linda dentro de um teatro com decoração belíssima e antiga. E as coisas só foram melhorando, o café e o bolo tradicional que provamos estam deliciosos. Faça sua reserva para o passeio Hidden Budapest Walking Tour com alguns dias de antecedência, assim você consegue organizar melhor seu roteiro do que fazer em Budapeste.

  • Visite o Gueto de Budapeste

Durante o tour você passou pelas ruas do Bairro Judeu, agora aproveite para descobrir um pouco mais sobre esse lugar histórico. No passado o Bairro Judeu era uma área artística, com lojas e restaurantes. Durante a segunda guerra mundial foi transformado no gueto, onde mais de 60 mil pessoas tentavam sobreviver ao terror do Nazismo. Depois da guerra, o bairro Judeu demorou anos para se reconstruir e ainda é possível ver as marcas da guerra. Hoje o bairro voltou a ter vida artística com bares e as imponentes Sinagogas.

Visitar o bairro Judeu em Budapeste é uma verdadeira aula de história. Emocionante.

Walk around the Jewish Quarter is a must for any traveler that visit Budapest. Not only for the history but also to experience a new side of the city with amazing streets arts and interesting people.

Esse restaurante foi nomeado o café mais bonito do mundo, o que já é motivo de sobra para você dar uma passadinha por lá. Inaugurado em 1894, o prédio é em estilo Renascentista e vai deixar você de queixo caído. O café fica no andar térreo do Hotel Boscolo e por anos foi o endereço oficial dos artistas Europeus. O café sobreviveu às mudanças políticas e econômicas sem perder a elegância. Só que todo esse luxo vem com um preço salgado. As refeições e o chá da tarde não são baratos, mas se você está com a grana curta vale a pena passar lá só para tomar um cafezinho.

 

Como Viajar para Budapeste

Nossa última dica de viagem é sobre transporte. Budapeste fica no centro da Europa, super bem conectada com voos, trens e ônibus. Para encontrar os melhores voos para Budapeste sugiro pesquisar através do  Skyscanner ou Kiwi.com.

Nós viajamos para Budapeste de trem, a cidade fez parte da nossa aventura de 3 meses viajando desde a Escandinávia até a Europa Central, tudo com o Eurail Pass. Foi nossa segunda viagem com o Eurail Global Pass e para mim essa é a melhor forma de viajar pele Europa. Nós escrevemos uma guia com todos os detalhes de como comprar e viajar com o Passe da Eurail, confira: Eurail Pass vale a pena? Como viajar de trem pela Europa.

Antes de Budapeste nós viajamos por um mês no norte da Europa, leia nossos guias: O que fazer em Amsterdam – Roteiro de 3 dias, O que fazer em Estocolmo no Inverno, Como ver a Aurora Boreal em Rovaniemi na Finlândia e Como viajar de trem na Escandinávia. Nessas matérias você vai encontrar muitas dicas e inspiração para planejar sua próxima aventura pela Europa.

Esse foi o nosso roteiro do que fazer em Budapeste em 3 dias. Listamos as principais atrações de Budapeste, onde ficar e onde comer. Tenho certeza que depois de visitar todos esses lugares lindos em Budapeste você não vai querer voltar pra casa. Mas não se preocupe, é assim mesmo, todo mundo que visita Budapeste fica com um gostinho de quero mais.

 

Curtiu o post?! Save no Pinterest e Compartilhe!

Dicas para planejar sua viagem para Budapeste, Hungria. O que fazer em Budapeste, atrações, onde comer e lugares escondidos. E como montar um roteiro de 3 dias em Budapeste.

2 comentários em “O que Fazer em Budapeste – Onde ficar e roteiro de viagem”

  1. Muito obrigado pelas dicas!! No meu caso será muito útil já que iremos viajar agora em Janeiro no Inverno. Bom saber que dá para aproveitar bem mesmo no inverno!! Abs

    Responder

Deixe um comentário